“Quando vemos um idoso, não vemos uma pessoa com vários anos, mas um ser com muitas histórias, conhecimentos, conselhos e uma maneira plural de olhar o mundo”

Tornar-se idoso é uma experiência individual em que estão envolvidos todos os aspectos psicológicos, sociais e biológicos. “Nessa fase da vida, ele se depara com situações delicadas, como a perda ou o afastamento de pessoas queridas, doenças, aposentadoria, perda do corpo jovem e da independência, entre outros”. Como lidar com essa situação? Mas, mesmo assim, esse ser humano mantém vivo o espírito alegre e puro, semelhante ao de uma criança.
Será que o ser humano jovem já se colocou no lugar de um idoso ou deu atenção a ele? Refletindo sobre essa questão, os acadêmicos do curso de Pedagogia II A da Faculdade AGES de Jeremoabo (BA), na disciplina de Psicologia, sob acompanhamento da Prof.ª Luana Reis, tiveram a oportunidade de visitar o Abrigo São Vicente de Paula e entender o psicológico de uma pessoa idosa e “vivenciar suas experiências e histórias” que marcaram, de infinitas formas, a trajetória e o psicológico humano.

Momento inesquecível, possibilitando aprendizagens e crescimento profissional para os acadêmicos!