(75) 3279-2210/3600 faleconosco@uniages.edu.br

A Biblioteca Prof.ª Maria José dos Santos Lima, órgão subordinado à Diretoria, encarregado de proporcionar apoio às atividades de ensino, pesquisa e extensão, tem como finalidades:

1. Oferecer serviços de consulta e empréstimo de seu acervo à comunidade acadêmica.
2. Servir como suporte ao desenvolvimento curricular e extracurricular dos cursos oferecidos pelo Centro Universitário AGES, bem como às atividades de ensino, pesquisa e extensão.
3. Aperfeiçoar e fomentar o acesso e o uso do acervo aos seus usuários e a usuários potenciais.
4. Desenvolver nos usuários hábitos de estudo e manuseio do acervo.
5. Estimular a investigação científica e cultural.
6. Zelar e conservar o acervo em perfeitas condições de utilização.
7. Fomentar a constante atualização do acervo.
8. Atuar de maneira integrada nos cursos oferecidos pelo Centro Universitário AGES e nos demais órgãos administrativos.
9. Promover intercâmbio com bibliotecas, centros de documentação, unidades e outras instituições técnicas, científicas e culturais, nacionais e estrangeiras.

Os serviços da Biblioteca estão sob a responsabilidade de uma bibliotecária e de seus auxiliares.

Qual o horário de funcionamento?

O expediente de funcionamento da Biblioteca é de segunda à sexta-feira, das 7h às 22h20, e aos sábados, das 7 às 17h40.

No período de férias ou de recesso acadêmico, a Biblioteca poderá ter seu horário modificado.

Quais os serviços oferecidos?

– Empréstimo local e domiciliar.
– Renovação do empréstimo.
– Consulta on-line nas bases de dados do acervo.
– Visita orientada para alunos calouros.
– Acesso à Internet*.
– Exposição de publicações recém-adquiridas.
– Orientação na pesquisa bibliográfica.
– Centros de interesse com divulgação através de murais, de informações técnico-científicas, culturais e educacionais.
– Conservação e restauração do acervo.
– Reserva de livros.
– Salas de estudo.
– Comut – Programa de Comutação Bibliográfica.

*O acesso e a consulta à Internet são realizados de acordo com a disponibilidade e limite de horário. A Internet ainda só poderá ser usada com fins educativos (sites de educação, biblioteca, pesquisa).

Quais obras encontramos?

O acervo é constituído por obras de circulação e não-circulação.

Obras destinadas à circulação são aquelas que estão à disposição para empréstimo domiciliar. Obras não destinadas à circulação são aquelas que têm seu uso restrito à consulta local, tais como obras raras ou valiosas (projetos e monografias), enciclopédias, dicionários, atlas, periódicos e todos os exemplares que apresentem a letra “R”.

O acervo é formado por obras que abrangem as três grandes áreas do conhecimento e é composto por:

• Material bibliográfico (livros) genérico e especializado.
• Material bibliográfico de referência, compreendendo: dicionários; enciclopédias; atlas; monografias, projetos, relatórios e outros trabalhos não publicados.
• Publicações oficiais e documentos.
• Periódicos, folhetos, mapas e similares.
• Multimeios, tais como CD-ROMs, DVDs.
• Outros materiais.

Como faço para ter acesso?

A biblioteca tem seu acervo aberto para toda a comunidade, seja ela acadêmica ou não. Contudo, para realizar o empréstimo domiciliar, ou seja, retirar os livros emprestados, o usuário deve se cadastrar na biblioteca e receber a sua carteira de leitor. Apenas a comunidade acadêmica pode retirar as obras emprestadas (alunos, professores e funcionários da IES).

De posse do cartão de acesso, quais os procedimentos para pegar o livro emprestado?

Para efetivar as movimentações bibliotecárias, ou seja, empréstimo, renovação, reserva e devolução das obras, o usuário deverá apresentar, obrigatoriamente, o respectivo cartão de acesso do estudante e estar em dia com o prazo de devolução do material já emprestado.

Os empréstimos são pessoais e a cartão de acesso é intransferível, não sendo possível o empréstimo a leitores portando o cartão de terceiros.

Com o cartão de acesso, bem como sua correta utilização e guarda, o leitor é responsável por verificar se os livros estão com os números e códigos de acordo com os títulos dos mesmos, conforme descritos no comprovante. É obrigatória a assinatura do usuário, de forma legível, nos comprovantes de empréstimo e renovação de obras, ficando ele responsável por conferir, na 2º via do documento, as datas de devolução dos livros.

Quantos livros o usuário pode retirar emprestado e qual o prazo para a devolução das obras?

Os alunos cadastrados podem retirar, por vez, até três livros emprestados, de quaisquer áreas ou campo do conhecimento. O prazo de entrega é de sete dias consecutivos, a contar da data do empréstimo.

No caso das devoluções que recaiam sobre feriados e dias que não haja aula, de acordo com o calendário da Instituição, o aluno deverá devolver as obras até o primeiro dia de aula normal, respeitando o turno de cada usuário.

Não poderão ser emprestados dois exemplares iguais na mesma carteira, contudo, poderão ser levadas duas obras da mesma área, desde que de autores e/ou títulos diferentes.

Os dicionários são obras de empréstimo rápido, ou seja, sua devolução deverá ser realizada no mesmo dia.

Expirado o prazo de empréstimo, o aluno poderá solicitar a renovação do empréstimo, portanto, deve apresentar as obras e a cartão de acesso, bem como o livro não poderá estar em lista de reserva.

Atualmente, somente os livros poderão ser locados no empréstimo domiciliar, as demais obras que integram o acervo poderão ser consultadas no ambiente da biblioteca ou solicitadas para reprodução (periódicos).

Em caso de atraso na devolução dos livros, o que acontecerá com o usuário?

Quando o usuário atrasar a devolução das obras será aplicada a cobrança de valores por dia e obras em atraso. Assim, o valor da multa será calculado de acordo com a quantidade de dias em atraso e multiplicado pelo número de obras emprestadas. Para efeito de cobrança, excluem-se da contagem domingos e feriados.

A Portaria Nº 5, de 31 de janeiro de 2012, estabelece os valores da multa aplicados pela Biblioteca. No primeiro dia, será cobrado o valor de R$ 2,00 por obra atrasada. A partir do segundo dia serão acrescidos mais R$ 1,00 por dia em atraso.

Usuários com débitos na Biblioteca não poderão realizar novos empréstimos até a quitação da multa. O usuário pode optar por pagar a multa em outro dia, contudo, sua carteira ficará retida na Biblioteca até a regularização da situação.

Ficam sujeitos ao pagamento de multa todos os usuários em atraso com a Biblioteca, inclusive professores e funcionários.

Quando todos os exemplares de uma obra encontram-se emprestados, como o usuário pode fazer para ter acesso mais rápido a este livro?

Para as obras cujos exemplares encontram-se todos emprestados, o usuário poderá solicitar a reserva deste material, observando as seguintes regras:

I. No caso de haver mais de uma reserva para a mesma obra, observa-se, rigorosamente, a ordem dos pedidos.
II. A reserva é intransferível, ou seja, não poderá ser passada para outro usuário, perdendo a reserva o usuário que, por qualquer motivo, não possa retirar a obra no dia determinado.
III. Não será permitida a reserva, pelo usuário, de livros que já se encontrem em seu poder.
IV. No momento da reserva, será fornecida uma senha e a colocação do usuário na fila de espera, devendo este comprovante ser apresentado à bibliotecária sempre que for consultar a lista ou retirar a obra.
V. As obras ficam reservadas por 24 horas no caso dos alunos do turno noturno. Para alunos do C.A., as obras ficam guardadas até a sexta-feira quando o livro chegar entre o sábado e quinta-feira; livros que chegarem na sexta-feira ficarão reservados até o sábado para os alunos do diurno.
VI. O aluno é responsável por verificar, diariamente, na Biblioteca, o andamento da sua reserva, perdendo o direito de retirar a obra caso o prazo de espera tenha expirado.

Alunos em processo monográfico gozam de algum benefício especial?

Alunos em processo monográfico podem requerer um prazo especial para a devolução das obras.

O usuário em atividade de monografia tem direito a retirar, por vez, até três livros por um prazo de 15 (quinze) dias corridos. O empréstimo é realizado junto à renovação automática, não sendo possível uma nova renovação das obras. Para tal, o aluno poderá locar outras obras ou retirá-las no dia seguinte.

É de inteira responsabilidade do usuário, no momento do empréstimo, comunicar ao atendente que é aluno de monografia, para que este formalize o prazo estipulado.

Alunos de monografia devem devolver os livros dentro de um prazo máximo de 15 dias, independente dos encontros monográficos. Caso estes não possam se deslocar até o Centro Universitário AGES, devem enviar as obras por um portador.

O benefício do empréstimo com renovação automática é exclusivo para alunos de monografia, comprovadas através da Coordenação de Trabalhos de Conclusão de Curso, não devendo utilizar o benefício para repassar obras a terceiros.

Quais os direitos do usuário cadastrado?

São direitos dos usuários:

• Frequentar a Biblioteca utilizando seu espaço físico, equipamentos e acervo para pesquisa, estudo individual e em grupo e leitura de lazer.
• Fazer empréstimo domiciliar dos livros dos acervos universitário e escolar.
• Realizar levantamento bibliográfico dos documentos impressos disponíveis.
• Utilizar computadores e vídeos.
• Fazer cópia de pesquisa realizada na Internet ou nas bases de dados.
• Renovar, por mais uma vez, o empréstimo, desde que não haja interesse de outro usuário.
• Fazer reserva de materiais que estejam emprestados a outros usuários;

Quais os deveres do usuário cadastrado?

São obrigações dos usuários:

• Respeitar o Regulamento da Biblioteca.
• Respeitar as normas de utilização do acervo e de convivência em ambientes públicos.
• Preservar o acervo e o patrimônio.
• Observar orientações dos funcionários.
• Registrar-se como usuário.
• Repor patrimônio extraviado ou danificado.
• Devolver na data estipulada o material emprestado.
• Manter desligados aparelhos de telefone móvel nas dependências da Biblioteca.
• Utilizar computadores exclusivamente para fins de pesquisa.
• Utilizar CD-ROM e dispositivos de armazenamento pessoais apenas com conhecimento dos funcionários.
• Comunicar mudança de endereço.

É proibido o acesso de usuários portando bolsas, pastas, fichários, livros que não pertençam ao acervo da Biblioteca, lanches, bebidas, cigarros, telefone celular ou outros materiais estranhos.

Em caso de danos aos livros, qual o procedimento?

É de responsabilidade do usuário verificar o estado do livro no momento do empréstimo, comunicando ao atendente e registrando no Livro de Ata as possíveis avarias.
Caso o material volte com rabiscos de lápis, o mesmo deverá ser apagado, tendo o usuário o cartão retido e os empréstimos suspensos por um dia por página riscada.
Em caso de rasuras, riscos de caneta e marca texto e outros danos, o usuário deverá indenizar a Biblioteca com um exemplar idêntico ao estragado. Esta indenização será realizada como a reposição do material extraviado ou danificado ou indenização no valor atualizado da obra, inclusive despesas de importação, quando for o caso, além do pagamento de taxa correspondente ao tempo entre o término do prazo de empréstimo e a reposição da obra.

É facultado à Biblioteca o direito de optar entre estabelecer o valor da indenização ou exigir reposição por obra similar existente no mercado, quando tratar de obra cuja edição esteja esgotada.

O prazo máximo para reposição ou indenização é de trinta dias, contados a partir da data em que expirou o prazo para devolução.

O usuário fica suspenso do empréstimo domiciliar até regularização da situação.